Confraternização de Mocidade e Madureza Espíritas do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba

Você sabia?

A COMMETRIM é um evento espírita, gratuito, que se encontra em sua 57ª edição. Preparamos uma galeria, divida por décadas, informando todos os temas trabalhos e cidades que sediaram a Confraternização até então. Para conferir este conteúdo preparado com muito carinho, clique no botão História!

COMMETRIM 2021

Este ano, em face das medidas de isolamento social, visando a contenção da disseminação da COVID-19, o evento acontecerá totalmente on-line, durante o dia 1º de maio (sábado). Esta será a 2ª edição virtual da COMMETRIM

Memórias

Organizamos um compilado de registros feitos durante as edições do evento e você pode conferi-los na aba especial do site para as fotos!

1ª COMMETRIM VIRTUAL

Confira, na íntegra, a primeira experiência virtual da COMMETRIM, seguindo as orientações da OMS perante a pandemia de COVID-19.

Por muito se amar- Albino Teixeira

Por muito se amar...


Não somente pelas muitas reuniões que promovam;

não apenas pelo conhecimento das sagradas escrituras;

não somente pelas lutas que faceiem em nome do ideal;

não apenas pelas atividades assistenciais que inspirem;

não somente pela fidelidade aos compromissos assumidos;

não apenas pelo número de adeptos que façam;

não somente pelo desprendimento relativo aos bens materiais;

não apenas pela resignação ante o sofrimento;

não somente pelo dom da mediunidade que possuam;

não apenas pelas instituições que edifiquem;

não somente pelo cultivo da verdade;

não apenas pela simplicidade de hábitos…


Acima de tudo, os discípulos do Senhor, em qualquer tempo e lugar, segundo as suas próprias palavras, serão conhecidos por muito se amar…


Albino Teixeira, psicografado por Xavier, F.C e Baccelli, C.A em Palavras da Coragem. Editora Ideal.



ARTIGO DE APRESENTAÇÃO DO EVENTO

“Os meus discípulos serão reconhecidos por muito se amarem.”

Jesus (João, 13:35)


Comprometidos com a tarefa de unirmos para unificar, e, muitas vezes inabilitados , ousamos apresentar-mo-nos à última hora, para trabalharmos no campo a lavrar. Embora conscientes das nossas dificuldades, como lavradores e ainda com a terra do coração endurecida, mas sob a luz do Evangelho de Jesus, buscamos, no trabalho, compreender e semear palavras de amor e união no grupo unificador que nos acolheu. Com pouca experiência, lutamos contra as nossas imperfeições incontáveis, sustentando, no esforço de autotransformação, a fim de podermos enfrentar os desafios internos e solucionar as dificuldades externas. Dificuldades essas de desfazer o espírito milenar do nosso personalismo exagerado com ideias cristalizadas de que eu sei, eu conheço, eu mando e obedece quem tem juízo.A Doutrina Espírita, a partir de [Allan Kardec|Chico Xavier], soube "dar-se" ao Espiritismo ao invés de "apossar-se" dele, fizeram uma caminhada redentora, exemplar, para [re]implantar na Terra a semeadura do Cristo, no renascimento do seu Evangelho em “Espírito e Verdade”.Nada mais triste do que assistir no movimento de unificação, em que alguns se julgam mestres dos outros, quando, na verdade, todos deveriam colocar-se como aprendizes.Fundamentar as ações em todos os serviços prestados, o sentimento e a compreensão do seu serviço único,servir a Deus no serviço ao próximo. Recordando o memorável e querido Dr. Bezerra de Menezes:“O serviço de unificação em nossas fileiras é urgente mas não apressado.[...] é urgente porque define o objetivo [...] mas não apressado, porquanto não nos compete violentar consciência alguma”. Perdoe-nos a imperícia, as limitações, as dificuldades, porém, o que possuímos de melhor é, como pequenos lavradores na seara do Senhor, como discípulos imperfeitos, permanecermos dispostos no empreendimento de servir, exercitando o “amar ao próximo como a nós mesmos”, para sermos reconhecidos tal como Jesus orientou: “Os meus discípulos serão reconhecidos por muito se amarem”. Que Jesus receba os nossos melhores sentimentos de ternura e gratidão.


Maria Luísa 'Jô' Andrade.

12 de abril de 2021 - Uberaba - Conselho Regional Espírita (CRE) Sul.




"Os meus discípulos serão conhecidos por muito se amarem" João (13:35)

Acontecerá no próximo feriado do trabalhador, dia 01/05/2021 (sábado), das 9 às 16 horas, a 2ª Confraternização de Mocidade e Madureza Espíritas do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba (COMMETRIM) em formato virtual, com o tema central “Os meus discípulos serão conhecidos por muito se amarem”, em plataforma remota e com transmissão em vários canais parceiros.

O evento se tornou um marco histórico pela unificação do movimento espírita no Estado, por sua longevidade, aproximando aos 60 anos de realização ininterrupta. A COMMETRIM tem como objetivos esclarecer e consolar corações, bem como divulgar a Doutrina Espírita e propagar a Boa Nova do Mestre Jesus e também prestigiar o seu patrono Eurípedes Barsanulfo, mineiro nascido no dia 01/05/1880, em Sacramento, na Região do Triângulo.

A programação se divide em 02 períodos: pela manhã, a partir das 9 horas, com a abertura do evento, pelo canal da COMMETRIM, no YouTube; e no período da tarde, das 13 às 16 horas, com os estudos de várias áreas doutrinárias ocorrendo em salas específicas pelo Google Meet, de acordo com a inscrição de cada participante.

A sua realização conta com a dedicação de muitos trabalhadores voluntários dos Conselhos Regionais Espíritas (CRE) do Triângulo e Alto Paranaíba: 1°CRE - Uberlândia; 2°CRE - Uberaba; 17°CRE - Pontal; 18°CRE – Alto Paranaíba; 24°CRE – Planalto e 26ºCRE – Rio